A história e o tempo falarão por mim -Getúlio Vargas

Quando pensei que estava aprendendo a viver, estava aprendendo a morrer -Leonardo Da Vinci

passos estrada caminhadaÀs vezes fico lembrando de músicas antigas que minha mãe costumava ouvir, e algumas delas têm umas colocações tão provincianas acerca da vida, mas algumas soam como aquela sabedoria interiorana que o homem simples adquire. Lembro de uma delas que retrata a vida como uma estrada. Não lembro da melodia nem do nome da música, só lembro que era meio sertanejo, bem de raiz, algo que particularmente não me atrai muito, mas sinceramente lembro dessa música com carinho, assim como lembro de muita coisa da minha infância com carinho. Bom, vejo uma sabedoria simplória por trás desta letra afinal, sim, vejo a vida como uma estrada a ser percorrida com paciência, passo a passo, firmando bem nossos pés no chão. Devemos levar a vida com otimismo (parece estranho alguém como eu dizer isso, mas é verdade), porém, devemos estar preparados para quando as situações difíceis chegarem. A vida, a meu ver é para ser vivida com moderação. Acredito que nosso ritmo pode definir aonde chegaremos; acredito que errar na vida é tão importante quanto acertar. Acredito que, quer queiramos ou não, somos um livro aberto, e estamos sendo lendo a todo instante. Acredito que devemos ser nós a escrever as páginas ainda em branco. Estamos vivos, e enquanto vivermos nós poderemos ser o que quisermos.

boy hugging friendEu acredito nestas colocações, mas tenho dificuldades em vivê-las. Seria bom se eu pudesse levar a vida com mais simplicidade. Têm dias quem a leveza me preenche, mas têm dias que o medo me domina. Peço a Deus que multiplique os dias em que eu possa sentir-me esperançoso, mesmo que em meio as dificuldades. Vicissitudes às vezes nos deixam perdidos na caminhada. Preocupo-me com a história que estou escrevendo. Sei que, como eu, existem pessoas em todos os lugares enfrentando os mesmo temores. Ah… quisera termos mais coragem de abrir nossos corações e nos ajudar uns aos outros. Fico imaginando como a vida poderia ser mais fácil, e que o solipsismo não estivesse imperando disfarçadamente em nossos dias. Parece forte pensar assim… Mas nossa história tem sido escrita de forma estranha. Minha caminhada tem sido solitária, mas que seja. Minhas decisões dependem apenas de mim. Obviamente que desejo muito uma mão amiga… Não, desejo muito mais! Desejo um abraço, um companheiro, um irmão. A história tem corrido mais que o esperado. Quem tempo estes nossos! Deus me ajude a ser sábio. Deus me ajude…

Anúncios