Hábito e rotina têm um inacreditável poder para desperdiçar e destruir. -Henri de Lubac

Quando nos acomodamos à rotina da vida, perdemos, pouco a pouco, o pulso de nós mesmos, deixando o nosso processo de crescimento à mercê das influências e das circunstâncias externas. -Júlio Cesar F. Machado

andando_em_circulosAcredito que a rotina tenha sua utilidade na sociedade moderna, assim como em qualquer outra época que este mundo tenha vivenciado. A rotina nos libera de preocupações e incertezas, afinal você já sabe o que esperar, sabe qual é o roteiro do seu dia, da sua vida, da sua história. Mas quebrá-la e tão necessária quanto vivenciá-la. Viver na rotina é como andar em uma esteira. Você dá várias passadas, mas simplesmente não sai do lugar. A ciência já comprovou que a rotina é danosa para o cérebro (você pode conferir esta matéria), pois o indivíduo perde a capacidade de raciocinar, não consegue resolver problemas com facilidade, já que seu raciocínio não é estimulado; a rotina também desestimula, afinal quem gostaria de vivenciar os mesmos fatos dia após dia após dia após dia… Nada mais insuportável viver uma vida sempre regrada pela mesmice. Alguns se adaptam a ela, alguns conseguem fugir dela, outros não têm saída para ela, outros simplesmente dependem dela, quer seja no trabalho, quer seja nos estudos, quer seja para manter sua vida em ordem. Motivos são os mais variados. Alguns gostam outros não.

Lonlieness Eu sou o indivíduo que não gosta dela, mas vivencia por ter sido habituado a ela. Quando quebrei uma rotina há quatro anos imaginei-me livre para sempre, mas acabei caindo em outra, desta vez, de inaptidão. Para mim a rotina é uma guerra. Durante a semana os mesmos lugares para ir, os mesmo problemas para resolver, nos fins de semana lugar nenhum e nada para fazer. Muitos poderiam dizer que não faço porque não quero. Será? Quem costuma ler este blog sabe que sou uma pessoa solitária. Já andei sozinho por ai, e não é muito agradável. Hoje, um domingo a noite estou em frente ao computador escrevendo este post exatamente por não ter ninguém com quem conversar; tentei achar mais inspiração, estava com vontade de escrever. Li dois livros e senti-me apenas com um aperto no coração. É a minha rotina, rotina de solidão. Rotina de vazio. Rotina apenas… De tudo que já escrevi aqui no Exalando a Alma este talvez seja o texto que menos me agradou, mas foi tão sincero quanto seus predecessores. Perdoe, meu caro leitor, este desabafo. Nenhum desabafo é agradável de se ouvir. Mas, assim como o tudo mais, desabafar tem sido a rotina que me ajuda. Eis aqui mais uma. Mais rotina….

Anúncios